Socorro bem Presente para Josue

E o Sol se deteve, a lua parou… O Sol, pois, se deteve no meio do céu, e não se apressou a pôr-se, quase um dia inteiro…E não houve dia semelhante a esse, nem antes nem depois dele…

 

 

Tendo feito uma aliança com Israel, a cidade sitiada mandou imediatamente mensageiros em demanda de socorro para aquele lugar. Mediante a marcha de toda uma noite desde Gilgal, Josué apareceu inesperadamente em Gabaom, onde derrotou e empurrou seu inimigo através do passo de Bete-Horom, também conhecido como vale de Aijalom até Azeca e Maqueda. A ajuda sobrenatural nesta batalha resultou numa esmagadora vitória para os israelitas. Além do elemento surpresa e pânico em campo inimigo, as pedras de saraiva provocaram enormes baixas entre os amorreus, mais das que realizaram os combatentes de Israel (Js 10.11). E também aos israelitas foi dado um longo dia para que perseguissem seu inimigo. A ambigüidade da linguagem concernente a este longo dia de Josué tem dado origem a variadas interpretações. Era esta uma linguagem poética? Solicitou Josué uma maior duração da luz do sol ou para descanso do calor do dia? Se for uma linguagem poética, então somente se trata de uma chamada feita por Josué por ajuda e fortaleza. Como resultado, os israelitas estiveram tão cheios de fortaleza e vigor que a tarefa de um dia foi executada em só meio dia. Aceito como uma prolongação da duração da luz, isto foi um milagre no qual o sol ou a lua e a terra ficaram detidos. Se o sol e a lua detiveram seus cursos regulares, pôde ter sido um milagre de refração ou uma miragem dada sobrenaturalmente, estendendo a luz do dia de forma tal que o sol e a lua pareceram ficar fora de seus cursos regulares. Isto proporcionou a Israel mais tempo para perseguir a seus inimigos. A chamada de Josué em favor da ajuda divina pôde ter sido uma solicitude de alívio para que diminuísse o calor do sol, ordenando que o sol permanecesse silencioso ou surdo, quer dizer, que evitasse brilhar tanto. Em resposta, Deus enviou uma tormenta de saraiva que proporcionou tanto o alívio do calor solar como a destruição do inimigo. Os soldados, refrescados, realizaram um dia de marcha em meio dia de duração desde Gabaom até Maqueda, uma distância de uns 48 km, e lhes pareceu um dia completo quando em realidade só havia transcorrido meio dia. Embora o relato de Josué não nos proporcione detalhes de como aconteceu aquilo, resulta aparente que Deus interveio em nome de Israel e a liga amorrea foi totalmente derrotada.